Últimas Notícias
Search

Santa Terezinha começa 2022 em médio risco de investação pelo Aedes Aegypti.

O setor de endemias e controle de vetores juntamente com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que nos últimos dias 04 e 05 de janeiro foi realizado o 1º ciclo do LIRAa de 2022 para saber o IIP% (Índice de Infestação Predial) para que a equipe monte o plano estratégico e operacional em combate ao Aedes Aegypti transmissor da dengue, chikungunya e zika no município para que junto com a população combata o mosquito.
Devido estar em um período de chuvas que é favorável para proliferação do mosquito nos reservatórios de água principalmente nos pequenos depósitos, por exemplo, tonel, tina, baldes e nos depósitos de difícil acesso como as caixas d’água, o município está com um IIP 3.0% isso significa que estamos em médio risco.
A equipe de endemias continua desempenhando as atividades preconizadas pelo MS, SES e SMS em combate ao mosquito, e apela a população para que continue ajudando, cuidando dos seus reservatórios de água usando o controle biológico com piabas e a equipe fazendo controle químico e biológico para que Santa Terezinha continue com poucos casos de dengue. 
De acordo com dados do setor epidemiológico, em 2021 só tivemos um (01) caso positivo, "a população está de parabéns por nos ter ajudado nessa batalha em combate ao Aedes Aegypti. Eu, Alderi de Lima agradeço aos gestores, a equipe de endemias e a toda população por estarmos juntos nessa batalha contra o mosquito".



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Santa Terezinha começa 2022 em médio risco de investação pelo Aedes Aegypti.

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.