Últimas Notícias
Search

Afogados da Ingazeira - Indivíduo é preso após maltratar cachorrinho.

A Delegacia de Polícia de Afogados da Ingazeira prendeu em Flagrante Delito um homem por prática de crime de maus-tratos contra animais. É a primeira prisão em Flagrante na Cidade de Afogados com base na nova lei que pune mais severamente crimes praticados contra cães e gatos. 

A lei 14.064, de 29 de setembro de 2020, acrescentou mais um parágrafo ao Art. 32 da lei 9.605, que trata das sanções penais e administrativas contra condutas e atividades lesivas ao Meio Ambiente, para aumentar a pena contra maus tratos contra gatos e cães, que agora passa a ser de reclusão de 2 a 5 anos, multa e proibição da guarda.

Na última quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021, Policiais lotados na Delegacia de Afogados da Ingazeira receberam notícia de crime de maus tratos contra um cachorro de rua, onde foram informados que dois indivíduos tinham arrancado parte do testículo do animal. Com as informações repassadas por populares, os policiais saíram em diligência para capturar e prender os envolvidos no crime. Depois da diligência conseguiram chegar a um dos envolvidos, que foi preso em Flagrante e confessou o crime, informando que apenas segurou o animal enquanto o outro envolvido cartava o testículo do cachorro. O outro envolvido não foi encontrado.

O preso foi apresentado na audiência de custódia de na Cidade de Afogados da Ingazeira. O crime gerou revolta na população pela crueldade como se deu. O animal foi socorrido e levado para uma Clínica Veterinária onde passou por atendimento e está internado recebendo os cuidados necessários, já que perdeu bastante sangue com os ferimentos.

Por JR Finfa.

 



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


1 thought “Afogados da Ingazeira - Indivíduo é preso após maltratar cachorrinho.

    1. Parabéns, delegada e ao povo, vamos denunciar.Os animais também sentem dor.

      ResponderExcluir

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.