Últimas Notícias
Search

Hospital da Covid vive tarde de caos nessa 6ª em Serra Talhada.

O Pronto Socorro São José, que abriga os leitos de retaguarda no Centro de Serra Talhada, viveu um final de tarde de caos nessa sexta-feira (1).

O local ficou sem energia elétrica por cerca de 2 horas, e alguns pacientes passaram por desconforto e até falta de ar. O problema principal, além da falta de respostas da Celpe, foi a ausência de um gerador, que agravou o drama de funcionários e internos.

A redação do Farol de Notícias conversou com um funcionário, que pediu para não ser identificado. Ele resumiu como foi viver uma espécie de ‘pânico’, em busca de uma solução urgente.

“O Hospital São José, onde se encontram os leitos de retaguarda para tratamento da covid, funciona diferente do Centro de Covid, onde as pessoas vão lá, passam pelo médico, fazem o teste e vão embora. Aqui é diferente. Tem  pessoas internas, a grande maioria, idosos, que estavam na hora que faltou energia e a Celpe não quis saber. A própria coordenação do hospital pediu para os funcionários ir comprar velas. O vigia foi cuidar de um senhor que estava passando mal, estava com calor, e o levou para tomar um banho. A Celpe não deu resposta nenhuma de nada. É um absurdo, porque o hospital era para ter um gerador e não tem. Como funcionária, fico chocada, porque os idosos correram risco de vida, sem energia elétrica”, desabafou o servidor.

Do Farol de Notícias.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Hospital da Covid vive tarde de caos nessa 6ª em Serra Talhada.

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.