Últimas Notícias
Search

Fique por dentro sobre o que foi discutido em sessão do Legislativo em Santa Terezinha.

Atualizado às 10h17min.
Na sessão ordinária do legislativo Terezinhense na noite desta quarta-feira, 13 de maio os vereadores reprovarão, de forma unanime, o regime de urgência do projeto de lei do executivo que amplia de 11% para 14% a alíquota de contribuição dos servidores municipais, o que está previsto na emenda a constituição, na chamada reforma da previdência.
O projeto de lei agora vai tramitar dentro da normalidade na câmara.
Fotos de Ryan Pereira
Blog do Pereira.
Sobre a compra dos respiradores mecânicos todos os vereadores foram a favor, lembrando, que o município já está na fase de compra desses equipamentos e que a demora, segundo o executivo municipal são as dificuldades provocadas pela própria pandemia.
Os maus serviços da Compesa em Santa Terezinha foram debatidos novamente em sessão, inclusive o vereador André de Afonsim informou que esteve na barragem do Zé Antônio no dia de ontem, constatando que a água não está boa para o consumo humano.
A abertura de covas com uma retroescavadeira no cemitério novo da cidade que deu o que falar ontem aqui em Santa Terezinha rendeu várias criticas dos parlamentares.
Em resposta ao requerimento dos vereadores Neguinho de Danda, Lindomar Leite, Lanjinha de Teógenes e Júnior de Branco  que pediram a suspensão da obra da parte de cima do prédio do legislativo, e a finalização do contrato do carro alugado, garagem e remanejo do dinheiro para a compra de EPI's e cestas básicas, o presidente da casa Adalberto JR não foi de acordo e preferiu concluir a obra que já está com 95% dos trabalhos concluídos, isso de acordo com o presidente e que brevemente a obra será entregue.
Ofício em que alguns vereadores pedem o fim de regalias e que se reverta os recursos para quem mais precisa.

O vereador Júnior de Branco disse que o ato de devolver dinheiro da Câmara para a prefeitura está sendo adotado por outras câmaras da região e que não era preciso que o presidente devolvesse a quantia solicitada, cerca de cinquenta e três mil reais, mas que poderia ser dois, três, cinco ou dez mil, não importa, mas que o recurso fosse revertido para os mais pobres.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Fique por dentro sobre o que foi discutido em sessão do Legislativo em Santa Terezinha.

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.