Últimas Notícias
Search

Em Santa Terezinha, medo da falta do dinheiro em papel gera grandes filas nos bancos.


Com a liberação do auxílio emergencial do governo federal de 600 reais e o medo da falta de dinheiro em papel está gerando uma corrida aos bancos em Santa Terezinha, sobretudo nos estabelecimentos ligados a Caixa Econômica Federal, como a lotérica e correspondente bancário. Diariamente se ver filas e aglomeração de pessoas do lado de fora dessas unidades e muitas reclamações também das pessoas pela falta de dinheiro por lá.
Apesar da recomendação das autoridades para que a população fique em casa, e da prorrogação da quarentena em Santa Terezinha, o que se vê todos os dias é uma mistura de jovens e idosos em grupos, aguardando para sacar benefícios e pagar contas.
Nesta quinta-feira, 23 de abril foi necessário a vigilância sanitária do município juntamente com a polícia militar organizar as filas para impedir aglomerações de pessoas e diminuir o risco de contágio pelo Covid-19.
O blog questionou virtualmente algumas pessoas vistas nas filas em Santa Terezinha e um agricultor disse que estava alí porque não tem outro jeito. "Tenho receio de ficar na fila, mas tenho que correr atrás. Fui buscar o auxílio pois se faltar dinheiro agente não sobrevive".
As autoridades reforçam que as pessoas só saiam de casa quando realmente for preciso, e no caso dos bancos, que respeitem a distância mínima exigida e que sempre usem as máscaras e o álcool gel.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Em Santa Terezinha, medo da falta do dinheiro em papel gera grandes filas nos bancos.

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.