Últimas Notícias
Search

CIMPAJEÚ - TCE julga irregular gestão financeira de 2018.

Então Presidente, prefeito de Flores recebeu multa. Cabe recurso.
O TCE apreciou a Prestação de Contas do Consórcio de Integração dos Municípios do Pajeú – CIMPAJEÚ,  relativa ao exercício financeiro de 2018, que teve como titular o prefeito de Flores, Marconi Santana.
Da análise dos autos foi emitido Relatório de Auditoria que aponta algumas irregularidades. Na lista do TCE, realização de despesa não autorizada, pagamento de despesa sem liquidação de fato, despesas com aquisição de combustíveis sem o devido controle.
Ainda despesas com pagamentos indevidos de encargos financeiros decorrentes de atraso no recolhimento de contribuições previdenciárias ao RGPS/INSS, despesas com locação de veículos cujas prestações de contas não estão instruídas em consonância com a Resolução nº 05/2016 do CIMPAJEÚ.
A Segunda Câmara da Corte de Contas julgou irregular a prestação de contas e multou o prefeito de Flores em R$ 11.755,10. Cabe recurso da decisão.
Por Nill JR.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “CIMPAJEÚ - TCE julga irregular gestão financeira de 2018.

    Os comentários postados aqui não representam a opinião do Blog do Pereira.Net - A responsabilidade é do autor da mensagem.