Últimas Notícias
Search

Sexta-feira (10) - Evangelho do Dia com o Diácono Eduardo Oliveira.

Reflexão: 
Os judeus consideram estranha a linguagem de Jesus e reagem: “Como pode ele dar-nos a sua carne para comer?”. Faltava-lhes, naturalmente, uma compreensão melhor sobre as palavras de Jesus. Carne entregue e sangue derramado referem-se à própria vida de Jesus doada mediante sua morte na cruz. Comer a carne de Jesus e beber seu sangue significam estabelecer com ele uma comunhão íntima, chegar ao ponto de se identificar com ele. O apóstolo Paulo alcançou tão profundo grau de comunhão com Jesus, que escrevia aos Gálatas: “Já não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim” (Gl 2,20). Para favorecer nossa íntima comunhão com Jesus, ele nos deixou o sacramento da Eucaristia, através da qual tudo fazemos por Cristo, com Cristo e em Cristo, com a certeza de nossa ressurreição e vida eterna.
Papelaria_Santa_Ana



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Sexta-feira (10) - Evangelho do Dia com o Diácono Eduardo Oliveira.