Últimas Notícias
Search

Maia chega lá sem nada dever ao Planalto.

É consenso que a expressiva votação obtida por Rodrigo Maia (DEM-RJ) em sua reeleição na Câmara alçou o deputado democrata a um novo patamar de articulação política. Desta vez, Maia costurou acordos com outros partidos sem interferência direta do Planalto a seu favor. Obteve resultado notável.
Um dirigente do partido de Maia diz que é a primeira vez desde a eleição de Fernando Collor, em 1989, que a repercussão da atuação da cúpula do governo na eleição da Câmara foi “praticamente nula”. 
Em reunião com a bancada do PSDB, Maia agradeceu a ajuda que recebeu anos atrás de Aécio Neves (PSDB-MG), apoiador de sua primeira eleição ao comando da casa. “Não fosse isso, talvez não estivesse aqui”, disse.
https://www.facebook.com/profile.php?id=100025404650803&ref=br_rs
Do Painel – Folha.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Maia chega lá sem nada dever ao Planalto.

    Obrigado pelo seu comentário!