Últimas Notícias
Search

Afogados premiada - Ministério do Meio Ambiente premia cidade pelo Sistema de Reuso da Água.

O presidente da Amupe e prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, vai estar amanhã (23/08), em Brasília, mais precisamente no Ministério do Meio Ambiente, por meio da Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Ambiental, e do Departamento de Desenvolvimento, Produção e Consumo Sustentáveis, participando do 10º Fórum e o 7º Prêmio da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), do qual o município de Afogados da Ingazeira foi contemplado com  o Sistema de Reuso de Água que transforma, através de um tratamento biológico, esgoto em água boa e rica em nutrientes para a irrigação do gramado do Estádio Valdemar Viana de Araújo, o “Vianão”.
CNC
Na extensa programação que tem início às 8h30, o prefeito de Afogados da Ingazeira fará uma apresentação do Sistema de Reuso de Água, para a plateia participante.

O 7º Prêmio “Melhores Práticas de Sustentabilidade” em que o município de Afogados da Ingazeira está entre os 12 melhores do país, tem por objetivo dar visibilidade às iniciativas de responsabilidade socioambiental implementadas na administração pública e estimular a replicação das ações bem-sucedidas, reconhecendo o mérito das atividades promovidas pelos órgãos públicos na prática da A3P.
Aplicativo do Blog do Pereira.Net
É importante ressaltar que Afogados da Ingazeira fica na Microrregião do Pajeú, ao norte do estado, onde ela se junta com mais 15 municípios, que ostenta clima semiárido na maioria de seu território. O Reuso da Água do Estádio de Afogados da Ingazeira, não só fez bem ao meio ambiente como também gerou uma grande economia para o município. Diante de um caso de sucesso, o objetivo do município agora é inovar em outras áreas. Patriota já colocou em prática que está em fase de construção, a primeira praça pública com captação de água de chuva e reaproveitamento na sua manutenção e no campo de reaproveitamento de efluentes.
 
Entenda o Sistema do Reuso da Água no Estádio
Com capacidade para 5 mil torcedores, o estádio precisa por dia de pelo menos 50 metros cúbicos (m³) de água para a manutenção do gramado. Pensando em formas alternativas e economicamente viáveis, a prefeitura realizou uma obra de captação do esgoto de um dos bairros da cidade para esse fim. “O município verificou uma área que apresenta topografia de acúmulo de água e que, neste limite de drenagem do terreno, um esgoto a céu aberto oriundo do Bairro São Braz poderia servir para o reuso”, explicou o tecnólogo em saneamento, Elias Silva.

A obra teve o custo de aproximadamente R$ 30 mil e consistiu na perfuração de poço estilo cacimbão, com 5 metros de diâmetro e seis de profundidade. “Adaptamos o sistema de tratamento com três biofiltros que canalizados junto ao poço apresentaram uma vazão de mais de 30 mil litros. Isso nos possibilitaria as condições de adução da água para o estádio”, disse Patriota.

Com a ação, aproximadamente 50 m³ de efluentes deixaram de ser despejados no rio, além da economia de mais de 100 m³ de água por dia, gerando uma redução média de R$ 15 mil por mês nas despesas com água e energia aos cofres do município.

Além desse prêmio a   experiência foi apresentada pelo Prefeito José Patriota no recente Fórum Mundial das Águas ocorrido em Brasília.  O Prefeito inclusive foi convidado para apresentar a iniciativa em países da África e da Ásia. “Fico feliz com a repercussão do projeto. Mostra que com inteligência, ousadia e criatividade, podemos enfrentar e superar qualquer problema,” destacou o Prefeito José Patriota.
Loja_Cyte_Mania Por Nill JR.



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Afogados premiada - Ministério do Meio Ambiente premia cidade pelo Sistema de Reuso da Água.