Últimas Notícias
Search

Ministério Público recomenda aumento de vagas no concurso público para Prefeitura de Patos.

O prefeito da cidade de Patos, Dinaldinho Wanderley (PSDB), recebeu uma recomendação do Dr. Alberto Vinícius Cartaxo da Cunha, Promotor de Justiça do Ministério Público Estadual (MPE), para que reveja o número de vagas que estão sendo oferecidas no concurso público que se avizinha para cargos na edilidade em diversas secretarias.

De acordo com o Promotor, o Município de Patos não inseriu diversos cargos no concurso, mesmo quando existem inúmero contratados ocupando vagas por excepcional interesse público. O MPE relatou na recomendação que “Município de Patos-PB ainda mantém um grande número de contratados por excepcional interesse público, mesmo após a Recomendação Ministerial nº 06/2018;”.

A recomendação pede que sejam inseridos os seguintes cargos no edital, ou então, a demissão destes que ocupam as vagas atualmente como contratados: auxiliar de cozinha; biomédico; cardiologista; cozinheira; digitador; fonoaudiólogo; inspetor de ônibus; inspetor escolar; mãe cuidadora; maqueiro; reumatologista; monitor; professor de disciplinas especiais; psicopedagogo; supervisor; técnico auxiliar em regulação médica; técnico em laboratório; técnico agrícola; técnico em manutenção de equipamentos hospitalares; técnico em saúde bucal; telefonista; visitador.

Ao final da recomendação, o MPE acrescentou: “dê obediência às normas relativas à situações em que é legalmente possível a contratação por excepcional interesse público, abstendo-se de contratar nos casos em que a ausência de servidor é previsível ou decorrente de ato da própria Administração”.

Jozivan Antero – Patosonline.com



Gilson Pereira

Locutor e apresentador, Blogueiro, Funcionário Público e Acadêmico de Letras.Trabalho - Ocupação Identificador Civil e Criminal


0 “Ministério Público recomenda aumento de vagas no concurso público para Prefeitura de Patos.

    Em respeito à Legislação Eleitoral, o Blog do Pereira.Net não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.